Preso suspeito de explosões de caixas eletrônicos em Fraiburgo

frai

O Instituto Geral de Perícias fez a identificação de um dos elementos que explodiu o cofre da agência do Banco do Brasil de Fraiburgo na madrugada do dia 30 de março. O homem, que aparecia nas imagens com um fuzil AK 47 fazendo disparos pelo centro da cidade, foi identificado pela perícia técnica do IGP.

Durante as investigações, as informações levantadas pelos profissionais de perícia contribuíram diretamente com a identificação do suspeito que acabou sendo preso durante abordagem policial, depois que apresentou documentos falsos em Itapema.

Carlos Eduardo Fernandes Moreira, o suposto “manco” que aparece nas filmagens, já se encontra à disposição da Justiça. O homem é considerado um dos agentes mais perigosos de Santa Catarina e já foi visto atuando em várias ações criminosas.

A Polícia continua no trabalho de tentar identificar os demais assaltantes.

Veja agora

PRF resgata gata que viajava escondida debaixo de caminhão na BR-101

Na noite dessa segunda-feira (22) na BR-101, em Paulo Lopes, policiais rodoviários federais abordaram uma …