Joaçaba ganha cessão de uso do Parque Natural do Rio do Peixe

Os joaçabenses podem comemorar mais uma importante conquista para o Município. Nesta semana, o prefeito Dioclésio Ragnini, juntamente com o Procurador Geral do Município, Maikel Patrzykot, o secretário de Gestão Administrativa e Financeira, Jorge Luiz Dresch, o  secretário de Indústria, Comércio, Turismo e Inovação, Michel Carlesso Ávila e o secretário de Infraestrutura, Obras, Agricultura e Meio Ambiente, Vilson Sartori, estiveram presentes em uma reunião com o Superintendente do Patrimônio da União em Santa Catarina, Carlos José Bauer. O motivo da visita foi para o diálogo e ajuste de alguns entraves burocráticos para a liberação do projeto de cessão de uso do Parque Municipal do Vale do Rio do Peixe, propriedade da União.

Foto:Vista Aérea da região do Parque
Foto:Vista Aérea da região do Parque

O Superintendente elogiou o conhecimento técnico apresentado pelos Gestores de Joaçaba e as ideias de aproveitamento e uso do Parque. Após a resolução de alguns impasses foram informados da aprovação do parecer técnico da Cessão de uso do Parque para o prazo de 20 anos, sendo prorrogável por igual período. Após a resolução do processo em Florianópolis, o mesmo seguirá para Brasília para publicações legais e confecção de contratos de uso e no período de alguns meses será liberado.

O Parque, localizado às margens da BR-282, possui uma área de 2.884,616,05 metros quadrados. Para se ter uma ideia, a área corresponde a aproximadamente 450 campos de futebol. Esta área compreende, além da área de preservação, o Centro de Promoções – CPJ, o Centro de Internamento Provisório-CIP, a Escola Agrícola Municipal – NUPERAJO, Ginásio de Esportes, Centro de Triagem de animais Silvestres e o Monumento Santa Clara (Santuário).

Após a assinatura do contrato a Administração Municipal poderá realizar investimentos nas obras físicas e novos projetos que deverão ser implantados. As principais propostas estão direcionadas a projetos de pesquisa, com a parceria de Instituições de Ensino Superior, preservação da fauna e da flora, promoção da educação ambiental, dentre outros.

Para Dioclésio Ragnini, a aprovação do parecer já é uma grande conquista, pois serão apenas alguns meses para que o processo de liberação aconteça. “Ficamos felizes com a aprovação. Será uma retomada em diversos projetos que estavam parados e também temos muitas ideias novas para colocar em prática. Nossa proposta é trabalhar com parcerias sólidas e também direcionar recursos para os projetos. Esta é uma conquista de todos os joaçabenses, mas a região toda terá ganhos”, finalizou Dioclésio.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Veja agora

PRF resgata gata que viajava escondida debaixo de caminhão na BR-101

Na noite dessa segunda-feira (22) na BR-101, em Paulo Lopes, policiais rodoviários federais abordaram uma …