Situação financeira da Unidade de Pronto Atendimento, UPA, de Herval d’ Oeste está cada vez mais complicada. Custo para o município ultrapassa os valores repassados pelo governo federal

Situação financeira da Unidade de Pronto Atendimento, UPA de Herval d’ Oeste está cada vez mais complicada

O executivo municipal de Herval d’ Oeste, bem como a secretaria de saúde, fizeram um levantamento do custo mensal, e de todo o ano de 2020 da unidade de pronto atendimento Remi Alécio Mascarello, a UPA.

O levantamento aponta que o município tem o maior custo, dentre os municípios que contribuem, bem como o governo federal, chegando a aproximadamente 2 milhões e 100 mil reais ao ano.

Conforme a secretária de saúde, Eugênia Bucco, a situação da unidade de saúde esta ficando insustentável, já que o município gasta mais de 170 mil reais mês, sendo que o que o governo federal repassa são os mesmos 170 mil desde a inauguração.

Eugênia destaca que há uma cobrança por parte da comunidade, referente ao investimento feito pelo município com a unidade de saúde.

A secretária afirma que qualquer atitude a ser tomada será amplamente discutida, e somente quando passado este período de pandemia.

Repasse por município:

Total de recursos empenhados em 2020:


Veja agora

PRF resgata gata que viajava escondida debaixo de caminhão na BR-101

Na noite dessa segunda-feira (22) na BR-101, em Paulo Lopes, policiais rodoviários federais abordaram uma …