Joaçaba terá acréscimo de 1,1 milhões na arrecadação do ICMS

Joaçaba terá acréscimo de 1,1 milhões na arrecadação do ICMS
Joaçaba terá acréscimo de 1,1 milhões na arrecadação do ICMS

A Secretaria de Estado da Fazenda publicou no dia 15 de dezembro o valor adicionado ano 2016 e o Índice de Participação dos Municípios (IPM) sobre a arrecadação do ICMS, que será aplicável no exercício 2018, com base no valor adicionado gerado pela economia de Joaçaba, entre os anos de 2015 e 2016. O IPM é o índice que calcula a participação que cada município terá direito no ICMS arrecadado pelo Estado, sendo a receita mais importante dentre todas as transferências feitas pelo estado.

O IPM de Joaçaba cresceu de 0,4404738%, em 2015, para 0,4695115%, em 2016, uma variação positiva de 6,6%, em síntese, estima-se que essa variação representará um acréscimo de R$ 1,1 milhões na arrecadação do município. “Apesar da crise que assola o país, Joaçaba demonstra estar conseguindo manter a sua atividade econômica em crescimento, mostrando o perfil empreendedor de um povo que se reinventa e mostra o poder de recuperação no momento mais difícil da economia brasileira”, comenta o secretário de Desenvolvimento Econômico e Inovação, Michel Carlesso Ávila.

Fonte: Marivania Carvalho da Silva/Assessoria de Imprensa

Veja agora

Prefeitura de Joaçaba irá regularizar mais 17 imóveis ocupados por famílias baixa renda

Foi assinada na tarde desta quarta-feira (06), a Ordem de Serviço para execução dos serviços …